Cadastre-se no pandlr.com para participar deste tópico.
Clique aqui para se cadastrar ou faça login abaixo via rede social:

        





  • Eu acredito na fada

    1) ela não ganharia nada com o processo; que mulher consegue se dar bem contra seus produtores homens ricos por qualquer razão?

    2) não ter prova não significa provar que não ocorreu.

    3) Kesha não usou isso para se promover; o processo é de 2014, enquanto o #freekesha bombou só em 2016, sem ela incitar nada;

    4) pelas mensagens vazadas, a gente percebe que ela, de fato, acreditava que Katy foi estuprada; não é como se ela estivesse bolando nada.

    5) vazou em 2012 uma demo chamada "dancing with the devil", dedicada ao Luke. Você consegue sentir a verdade na interpretação dela. Isso muito antes de processo e de #freekesha.


    é que vc não entendeu nada mesmo

    a kesha não entrou no processo contra o luke apenas acusando ele de abuso, ela entrou pra quebrar o contrato

    ela não conseguiu pela forma judicial, afinal faltavam provas contra o Luke, e a justiça ia decidir manter o contrato

    ela inteligente, aproveitou a onda anti-abuso dos EUA e começou a usar a midia a favor dela

    ao final a jogada foi genial porque ela perdeu o processo tecnicamente, mas ganhou moralmente, ela destroçou a carreira do Luke

    vc não pode acusar o Luke de abuso poc, inocente até que se prove o contrário, é o básico da justiça

    Gente, eu pensei que tava na PAN, não na PUC. Á poc querendo me ensinar algo sobre presunção de inocência, pqp

    Bom, eu disse “eu acredito”. Se fosse juiz, obviamente, não condenaria o Luke. Mas o fato de não haver provas não significa que a pessoa não cometeu o delito “”””NO MUNDO DE FATO””””. Para o direito, obviamente, não cometeu. 

    Pelas razões que apresentei, e que não servem em juízo, eu acredito sim que a Kesha sofreu nas mãos do Luke. Ela não usou disso para se  promover. Eu acompanhei tudo: dela emagrecer consideravelmente, ir para a clínica, ajuizar a ação e ficar por mais  de 2 anos apagada da mídia.  Só em 2016, quando vazaram aquelas fotos dela chorando, sem ela criar hashtag alguma, os artistas postaram #freekesha e o caso ganhou repercussão.  Antes  disso, a Kesha só tava se fodendo e, novamente, completamente em silêncio.  

  • lançou musica religiosa

    ok mostra

    Praying é sobre ter fé

    E por causa disso ela não pode criticar religião mais? Ela não virou crente, amore

  • Só quem é fã da rainha sabe o quanto ela sofreu. Emagreceu muito… teve que ser internada em uma clínica de reabilitação alimentar. Falar que tudo isso é mentira e que o Luke “é um reizinho”, é machismo sim

  • Eu acredito na fada

    1) ela não ganharia nada com o processo; que mulher consegue se dar bem contra seus produtores homens ricos por qualquer razão?

    2) não ter prova não significa provar que não ocorreu.

    3) Kesha não usou isso para se promover; o processo é de 2014, enquanto o #freekesha bombou só em 2016, sem ela incitar nada;

    4) pelas mensagens vazadas, a gente percebe que ela, de fato, acreditava que Katy foi estuprada; não é como se ela estivesse bolando nada.

    5) vazou em 2012 uma demo chamada “dancing with the devil”, dedicada ao Luke.  Você consegue sentir a verdade na interpretação dela. Isso muito antes de processo e de #freekesha.


  • Desesperada para reconquistar o mercado BR kkkkkk

  • O pequeno Naruto é o melhor personagem, ne 

    Queria ser amigo dele 

  • Gente que episódio lindooo tô emocionado com esse final


  • Amei, porem flopou nas curtidas, espero q a musica n flope

    já flopou aquela que parece musica de circo

    Mas essa ela lançou por lançar amore 


  • Load More

Logar utilizando uma rede social
         
×
×
Termos de Uso - Política de privacidade - Suporte