Cadastre-se no pandlr.com para participar deste tópico.
Clique aqui para se cadastrar ou faça login abaixo via rede social:

        





  • quem é loreal fox?

    Loreal eu só conheço a Paris

  • Parem de romantizar obesidade caralho

  • Fic mal feita, pois você passou o dia todo ontem online e ficou online até de madrugada e hoje tá online desde de manhã. Não deu tempo pra você sair com um cara do Grindr. Ou seja, FIC PÉSSIMA.

    -00000000000000000000000000000000000000000000000000

    morto nem pra dar 4 páginas

  • Halsey, Whitout Me (#1 em 2019)

  • Se não colocaram volume deve ser pq ele não tem né amore ? 

  • Love On The Brain maior que Gaga pós 2011

  • 2 dias e nem 1kk no áudio

    A NATTI PEDINDO PRA SE INSCREVER NO CANAL LOGO NO COMEÇO

  • Are you ready Polonia ?

  • H.E.R


    Onde que ela deu uma carreira pra ela ?

  • Injustiçado mesmo, Like It Ain't Nuttin perfeição

  • fatima ficou tão desestabilizada com a noticia que desejou que o filho da Katy e Orlando nascesse com HIV.

    E SÓ RECEBEU ! HORAS DE BAN!

    Membro: fatima

    Motivo: Comentário desnecessário.

    Punição: 12 horas.

    Gente ?

  • O trem do amor

    O título do cd da xuxa

  • Eu gostei da música

    Bem the best damn thing

    Mas é a 8 melhor do álbum.


  • achei lindo porém a pan me deixou surtado com DSTs, então como ele é GP então NAO


  • Sagitário

  • IOP quase 2.5kk, amo

  • Camila

    dsqe

    Lançado dia 12 de janeiro de 2018, o mundo conhecia o 1° álbum da cantora e compositora cubana-americana Camila Cabello.

     

    Composição / Produção

    Iniciando sua carreira no programa X Factor, Camila se tornou conhecida por fazer parte do Fifth Harmony e apos lançar dois discos com a girlband decidiu sair, seguindo carreira solo. Desde então vem trabalhando ativamente no seu primeiro trabalho. No texto em que anunciou sua saída comentou: “Vocês transformaram cinco garotas comuns e fizeram o sonho delas realidade – e juntas, nós e vocês, escrevemos uma incrível história. […] Agora preciso caminhar.. Sempre encorajei vocês a serem destemidos, a viver sua vida em nome do amor e fazer o que lhes dá felicidade. Mesmo assustada em dar este salto, estou animada e cheia de alegria porque sei que não importa o que aconteça estarei seguindo meu coração. Espero encontrá-los em minha jornada”.

    Inicialmente o álbum se chamaria “The Hurting, The Healing, The Loving” e o primeiro single seria “Crying In The Club” e o promocional “I Have Questions”, mas após um desempenho comercial abaixo do esperado, os planos foram adiados.

    Apos o lançamento do single “Havana” e o grande desempenho do mesmo, a cantora decidiu autointitular o trabalho e comentou: “Eu decidi chamá-lo pelo meu nome, porque isso é onde esse capítulo da minha vida terminou. Ele começou com a história de outra pessoa, ele terminou comigo achando meu caminho de volta para mim mesma”.

     

    Videografia / Singles

    Never Be The Same

     

    O disco começa com o segundo single. A letra da música fala sobre se apaixonar perdidamente por alguém e nunca mais ser o mesmo, a cantora compara o seu parceiro com drogas e assume ser viciada nele. Camila comentou sobre: “Essa música que eu escrevi quando eu me apaixonei por alguém e eu sabia que seria muito difícil de recuperar, mas eu sabia que faria isso de novo se pudesse”.

    O vídeo não apresenta um roteiro aparente é apenas uma combinação de fotos profissionais em varias paisagens modernas, junto com algumas imagens amadoras da cantora em um quarto de hotel.  

     

    All These Years

    Em entrevista Camila revelou que essa é uma das musicas mais pessoais do disco. A letra fala sobre o encontro com um ex-namorado, a cantora conta como ele mudou e assume que ainda mexe com ela. Em um dos versos deseja ter amá-lo do mesmo jeito que sente a falta dele.

     

    She Loves Control

    Uma mulher controladora que só permanece em uma relação se tiver o controle absoluto sobre o seu parceiro. Em entrevista falou sobre a faixa: “Pode significar muitas coisas diferentes. Para mim, era sobre controle criativo e apenas ter controle sobre a minha vida. Eu definitivamente amo o controle sobre as decisões na minha carreira e controle criativo. Também só se sentindo bem em decidir o que você quer e conseguir o que quer. Eu adorei a ideia de garotas cantando uma letra como essa… é uma afirmação ousada de se fazer. Eu sinto que é uma boa maneira de querer viver a sua vida, é ter o controle de como você faz, como você vive”. 

     

    Havana (feat. Young Thug)

     

    O primeiro single que conta com a participação de Young Thug e foi o responsável por mudar todo o álbum, Camila explicou em entrevista que o sucesso da faixa fez com que ela repensasse o conteúdo do seu primeiro trabalho solo. Inspirada em suas raízes latinas a cantora faz uma homenagem a sua cidade natal Havana e conta uma historia de amor com um rapaz dessa cidade. Em entrevista comentou: “Eu tinha quase 7 anos na época, nasci em Havana, Cuba. Meu papá é puro mexicano e vivíamos entre o calor de Havana e a selva de concreto da Cidade do México. Eu não percebi então, mas, garoto, isso me atingiu agora. Eu percebo o quão assustador deve ter sido para eles”.

    No vídeo a cantora interpreta Karia, que vive com sua avó e sua irmã que constantemente chama sua atenção por assistir muita novela e viver fora da realidade, então é aconselhada a sair de casa para viver sua vida. Então a personagem vai para o cinema assistir um filme chamado “Camila em Havana” e as cenas tomam a forma de videoclipe, então nessa sua saída vive uma experiencia intensa. As cenas são divertidas e foi dedicado para os sonhadores. 

     

    Inside Out

    Mostrando um lado mais romântico, Camila diz ao seu parceiro que quer amá-lo de dentro pra fora e já adianta que não quer saber de nenhum boato, só quer conhecê-lo verdadeiramente e dar todo o seu amor.

     

    Consequences

     

    Uma balada que fala sobre as conseqüências de amar alguém, mas ainda o de perder a pessoa amada. A cantora fala sobre ter amado intensamente e depois ver tudo chegando o fim, mas ainda sim não existem arrependimentos. Em entrevista comentou: “É como o resultado de “Never Be The Same”. Eu sinto que muitas das músicas podem estar nesta história, e todas as fases diferentes, e eu sinto que “Consequences” é o resultado de um amor que era intoxicante assim e difícil de sair da sua mente ou do tipo do amor que você compara a todos e não é o mesmo”.

     

    Real Friends

    O single promocional fala sobre a busca de Camila por amigos verdadeiros, novas amizades depois de tantas decepções, se perguntando onde as pessoas sinceras estão escondidas. Camila twittou a capa do single com desenhos de sua irmã mais nova. Em entrevista comentou: “Esta música é sobre me sentir sozinha e desiludida por pessoas em Los Angeles enquanto eu estava longe de casa”.

     

    Something's Gotta Give

    Um relacionamento que já esta desgastado e Camila não encontra mais motivos pra continuar, sentindo que alguém vai ter ceder e terminar essa relação, pois não encontra mais motivos pra continuar. Em entrevista revelou: “Eu sinto que poderia ter sido a última música de The Hurting, The Healing, The Loving (antes que ela mudasse o nome do álbum), se isso faz sentido. Porque eu sinto que essa é a única música que resume perfeitamente como o antigo tema teria sido. Era sobre essa coisa tóxica que estava acontecendo e eu decidindo “isso não é bom para mim”. Chegar a um ponto de desespero como “algo tem que mudar porque eu realmente não posso mais aguentar isso”. Peça perfeita daquela época (THTHTH), e é por isso que achei importante tê-lo”. 

     

    In The Dark

    Camila revelou que a faixa foi escrita no dia seguinte do Grammy de 2017. A letra fala sobre um estranho na multidão que chamou a atenção da cantora e então deseja conhecê-lo longe das câmeras, sem toda fantasia do mundo artístico.  E acrescentou em entrevista: “Então basicamente a música era meio que eu fazendo uma observação do lado de fora olhando para alguém que conheci. Era como um cara famoso e eu estava apenas percebendo como a maior parte do tempo é essa fachada. Eu era meio que eu não quero realmente me apaixonar por um nome ou apenas porque você é famoso. Eu quero conhecer a pessoa real, as coisas humanas, as coisas distorcidas … isso é o que torna as pessoas interessantes. Eu era meio que a perfeição é chata, então é basicamente sobre o que essa música é, eu querendo conhecer a pessoa real, não a pessoa famosa”.

     

    Into It

    Encerrando o disco com a faixa mais ousada, cheia de insinuações de Camila. Em um dos versos diz ao seu parceiro que o sofá é pequeno sugerindo que eles podem ir para sua cama. Em entrevista comentou: “A faixa foi algo que eu sempre trabalhei. Eu tentei todas as possibilidades … O álbum termina com este novo capítulo, porque assim que você terminar com todas as coisas que está chateado, você tem todo esse espaço para sentir as coisas mais divertidas”. 

     

    Extras:

    Camila marca o primeiro capitulo da carreira solo de Camila Cabello, que sempre demonstrou muito potencial solo antes mesmo do Fifth Harmony.
    Segundo a cantora: “O álbum começou mais sério - lidando com coisas de relacionamento, lidando com muito desgosto, lidando com muitas coisas da vida, com a coisa Fifth Harmony . Começou mais escuro, mas depois para o final, iluminou-se por causa de onde ela estava em sua vida. Ela se sentiu mais liberada”.
    Ainda disse mais: ”O álbum conta minha história da minha jornada da escuridão para a luz, de um tempo em que eu estava perdida para um momento em que eu me encontrei novamente…Foi uma espécie de capítulo que você nunca quer ler em voz alta”, e explicou que o processo de realização do álbum a ajudou a lidar com suas emoções”.
    Havia muita expectativa para o disco e Cabello queria que se certificar que seria uma ótima estréia. Após o sucesso de “Havana” tomou uma nova direção e decidiu deixar toda escuridão pra trás e fez um álbum pessoal, diversificado, coeso e cheio de vida, na intenção de encontrar sua identidade como artista. 

    BÔNUS

     

    <u>Crying In The Club</u>

     

    Inicialmente programado pra ser o primeiro single do até então intitulado “The hurting, the healing, the loving”, mas Camila afirmou que a música foi descartada do seu primeiro projeto solo por achar que não tinha a ver com o restante que havia criado. A letra da música fala sobre a cura atraves da música, de deixar se levar e esquecer todas as magoas.  E comentou: “Isso foi definitivamente parte da cura, essa música. As letras são muito esperançosas, mas a batida é muito intensa. Eu nunca quero fazer uma música alegre e direta, não é só na minha natureza. A batida tem esse sentimento muito intenso e catártico sobre isso. Era um pouco como o que o processo de escrita estava me dizendo. Então, as letras são “Deixe a música levantar você, como se você nunca estivesse tão alto. Deixe a música levantar você, como se você nunca estivesse tão livre. “Ele sentiu como esse álbum e essa música.

    O clipe começa com uma pequena intro da música “I Have Questions” em que Camila esta solitaria e segue com a musica, como se simbolizasse a cura daquela magoa com a música. E termina com a cantora no mesmo lugar dançando acompanhada de outras pessoas. Em entrevista falou sobre o vídeo: “Para mim, o clube é como um eufemismo. As letras dizem coisas como “Deixe a música levantar você como nunca foi tão livre, deixe a música te levantar como se você nunca estivesse tão alta.” Eu sinto como para mim, isso foi mais do que a escrita processo e o que o processo de criação de álbuns me dizia”.

     

    I Have Questions

     

    O single promocional foi lançado juntamente com “Crying In The Club” e foi o primeiro trabalho totalmente solo depois da sua saída do Fifth Harmony. A letra fala sobre uma pessoa próxima de Camila que a fazia muito bem, mas agora esta a fazendo mal, a cantora se sente enganada e traída, porque esteve do lado desse alguém e fez tudo pra poder ajudar, mas agora foi abandonada. Em entrevista afirmou que era sobre uma amizade e não relacionamento: “Eu tinha um amigo e estávamos tão perto e, literalmente, como um dia depois, nem nos conhecemos”.

     

    OMG (feat. Quavo)

     

    “OMG” é um R&B lúdico e despreocupado que se encontra com uma faixa pop tropical que olha para o autopreenchimento e é capaz de olhar para si mesmo e dizer “Eu pareço bem”. É aquela música que você sabe que vai explodir com suas garotas antes de chegar à cidade em um final de semana ou aquela música que você quer tocar numa viagem com seus amigos. Ele mostra um lado diferente para ela que é um pouco mais divertido e não tão sério ou emocional quanto seus singles anteriores. O recurso nesta faixa faz muito mais sentido com Quavo sendo o atual rapper de artistas pop e adiciona um elemento legal para a música. Ele pertence à faixa e não soa como se tivesse acabado de ser adicionado para tentar torná-lo relevante com o qual “Havana” se parecia com o verso de “Young Thug”.

  • Só eu que penso que Leslie e Liga Shagnática são laranjas ? pq não é possível, todo tópico que tem uma a outra vem logo em seguida

  • O motivo seriam os ataques que a cantora recebeu no Twitter após compartilhar meme do rapper 21 Savage, que estava preso

  • pq elas ficam enfiando esses rappers aleatorios, essa musica tava ótima só com elas


  • Isso é do mainstream pop

    Hot 100 é #4 sim

    burra do caralho

    Chained To The Rhythm Katy Perry Featuring Skip Marley Peaked at #4 on 3.4.2017

    https://www.billboard.com/music/katy-perry/chart-history/hot-100


  • o #14 na BB200 é real

    14? kkkkkkkkkkk

    vai debutar em #40 amore

     
     
     
     

    Vai debutar em #15, tô até vendo

    #15 ta vendendo em torno de 20k sps amiga

    a avril deve debutar com uns 10k sps

    Vamos orar pra que o debut seja de pelo menos 40k

  • o #14 na BB200 é real

    14? kkkkkkkkkkk

    vai debutar em #40 amore

     
     
     
     

    Vai debutar em #15, tô até vendo

  • depois de ouvir o álbum umas 3 vezes, eu vi que Birdie é a melhor do álbum

  • morta no barulho de baleias no começo da demo de warrior

    demi é vc? Resultado de imagem para alien covenant tsunade pandlr

    é a mariah amore

  • Quem é Poppy ? cadela esquizo que se forçar mais caga

  • Tá acompanhando mais que os fãs, uau

  • Nojo de viado que finge ser hétero nas fotos Gretchen

    Pior que só sabem fazer cara de mal e forçar a sobrancelha


  • [7] Halsey - Without Me [53,706,890]

  • tu que sequestrar o povo eh?


  • SE FLOPAR É BOICOTE E CULPA DO ZEDD

  • Gente até agora nada do #1 no US ? Morreu mesmo

    11 Zedd & Katy Perry - 365

    https://kworb.net/pop/

  • Se a música flopar a gente culpa o Zedd

  • me diz que as views estão travadas, pfvr, o vídeo foi lançado tem 5 horas e tem 682k de views

  • Rihanna - 42 

  • A música é uma peça pop-house que, felizmente, não soa como todas as outras músicas do Zedd que o produtor lançou na memória recente" - SPIN


  • ok minha filha


  • Sonic Unleashed maior e melhor

  • Se for ruim igual ao enigma show, pode entrar em hiatus pra sempre

    ela vai mudar toda a ENIGMA, duvida quanto?

    Ok Gagart6

  • SE FLOPAR A GENTE CULPA O ZEDD

  • O album vai sair amanha ou ela apenas vai anunciar??

    Socorro me perdi

  • O próximo diamante da carreira tá chegando, se flopar a gente fala que é promocional

  • #4 Without Me

    #10 Eastside

  • Pq tá na moda rosto quadrado??


  • kkkkkkkk o ban


  • Load More

Logar utilizando uma rede social
         
×
×
Termos de Uso - Política de privacidade - Suporte