[Tira e Bota] Nelly Furtado – Folklore (2003)

Visualizando 15 posts - 1 até 15 (de 34 do total)
  • Autor
    Posts
  • Foto de perfil de Laura Fernandes
    Laura Fernandes

    O tira e bota pra celebrar o melhor álbum da nossa quase portuguesinha

     

    Folklore, hinário étnico, sentimental e profundo

     

     

    Lembrando as regras da ditadora: 

     

    Escolha UMA música que você bota como sua preferida

    Escolha UMA música que você tira

     

     

    Foto de perfil de Laura Fernandes
    Laura Fernandes

    @barranquileiro


    Foto de perfil de FA Wolf
    FA Wolf

    baixando esse lixo pra ouvir

    Foto de perfil de Laura Fernandes
    Laura Fernandes

    baixando esse lixo pra ouvir

    Tópico do El Dorado é pra lá


    Foto de perfil de Laura Fernandes
    Laura Fernandes

    Nelly aqui conseguiu criar hinos pop maravilhosos com influência do hip hop e também do folk, letras reflexivas e que não giravam só em torno de temas como amor (chora, Shakota), e instrumentais com influências étnicas e instrumentos que não eram comuns em músicas de uma cantora pop mainstream em plenos anos 2000 (como banjo, viola, violino), comparável só a Shakira mesmo


    É muito difícil escolher uma música só, mas…


    BOTO: Try, porque não tem como não amar e lacrimejar com a maior balada do disco, com o violão marcante, a letra sincera e notadamente sentida, o clipe perfeito, ÁPICE DA CARREIRA


    TIRO: Fresh Off The Boat, chata, repetitiva e irritante pra caralho, muito hip hop, tem mais cara do primeiro disco (embora o trecho em português seja fofinho)


    Foto de perfil de Laura Fernandes
    Laura Fernandes

    Que doloroso não poder escolher os violinos de The Grass Is Green


    Foto de perfil de FA Wolf
    FA Wolf

    BOTO: Força, maior hino do álbum, e ainda me dá uma fome que ninguém pode matar.


    TIRO: fiquei entre um mói, mas tiro Fresh Off The Boat, pois tem momentos que a voz dela irrita quando dá os gritos longos e anazalados.


    Foto de perfil de Laura Fernandes
    Laura Fernandes

    BOTO: Força, maior hino do álbum, e ainda me dá uma fome que ninguém pode matar.

    TIRO: fiquei entre um mói, mas tiro Fresh Off The Boat, pois tem momentos que a voz dela irrita quando dá os gritos longos e anazalados.

    Que que é um mói?


    Foto de perfil de FA Wolf
    FA Wolf

    Faça login ou cadastre-se para visualizar este conteúdo.

    Faça login ou cadastre-se para visualizar este conteúdo.

    BOTO: Força, maior hino do álbum, e ainda me dá uma fome que ninguém pode matar.

    TIRO: fiquei entre um mói, mas tiro Fresh Off The Boat, pois tem momentos que a voz dela irrita quando dá os gritos longos e anazalados.

    Que que é um mói?


    um monte na língua nordestina

    Foto de perfil de Laura Fernandes
    Laura Fernandes

    Faça login ou cadastre-se para visualizar este conteúdo.

    Faça login ou cadastre-se para visualizar este conteúdo.

    Faça login ou cadastre-se para visualizar este conteúdo.

    Faça login ou cadastre-se para visualizar este conteúdo.

    BOTO: Força, maior hino do álbum, e ainda me dá uma fome que ninguém pode matar.

    TIRO: fiquei entre um mói, mas tiro Fresh Off The Boat, pois tem momentos que a voz dela irrita quando dá os gritos longos e anazalados.

    Que que é um mói?


    um monte na língua nordestina

    Que monte pra tirar nesse hinário, meu filio?


    Só Fresh Off The Boat e Saturdays não prestam


    Foto de perfil de Barranquillero
    Barranquillero

    Chocado eu não sabia q eu gostava de folk

    Foto de perfil de FA Wolf
    FA Wolf

    a música com o Caetano é belissimam

    Foto de perfil de Barranquillero
    Barranquillero

    Boto: Gostei muito de Picture Perfect, Try (que é muito bonita, mas não me cativou tanto), Explode e Islands of Wonder. Entretanto fico com Powerless. Bem folkzinha bonitinha com um toque motivador. O instrumental está bem produzido e me faz lembrar a música folclórica nordestina mesmo que a intenção tenha sido apenas ser um folk raiz e bom mesmo. A segunda melhor é o feat. Cacura Veloso que ficou muito boa mesmo. 


    Tiro: Fiquei entre Força (que ela “força” a voz  de forma irritante) e Fresh Off The Boat por ter aquela bizarrice do “din din din din din din din” e “Querida menina a beira do mar. Apanha um barco branco e vai vai vai”. Nessa música Nelly Furtado incorpora Shakota reproduzindo sons esquisitos e estereotipando suas origens com um português péssimo de quem se quer se deu o trabalho de ir no fonoaudiólogo praticar o idioma. Por isso ban nessa música.

    Saturdays também é estranha, até a metade a música é boa, mas depois que surge a poc falando coisas aleatoriamente e a Nelly rindo dá pra ver que é uma música que não é pra ser levada a sério. 

    Foto de perfil de Barranquillero
    Barranquillero

    Nelly aqui conseguiu criar hinos pop maravilhosos com influência do hip hop e também do folk, letras reflexivas e que não giravam só em torno de temas como amor (chora, Shakota)


    BAN. Não cospe no prato que comeu e lambeu até as sobrasResultado de imagem para gif ines pandlr

    Foto de perfil de Barranquillero
    Barranquillero

    Agora vamos reativar os tira e bota. Os próximos podiam ser os da Lana

Visualizando 15 posts - 1 até 15 (de 34 do total)


Cadastre-se no pandlr.com para participar deste tópico.
Clique aqui para se cadastrar ou faça login abaixo via rede social:

        






Logar utilizando uma rede social
         
×
×